Sistemas Integrados de Gestão Empresarial possibilitam tomadas de decisões mais rápidas e assertivas em relação ao mercado

Sistemas Integrados de Gestão Empresarial possibilitam tomadas de decisões mais rápidas e assertivas em relação ao mercado

5 de agosto de 2021 0 Por

São Paulo, SP 5/8/2021 – Uma gestão open mind (mente aberta) somada às novas tecnologias se destacaram no mercado e trouxeram inúmeros benefíciosO sistema ERP propõe uma gestão unificada, integração de informações financeiras, controle dos pedidos de clientes, padronização, aceleração de processos e redução de erros

Referência em tecnologia para gestão empresarial, o sistema ERP cresceu entre o número de empresas que passaram a implantar ou migrar de um sistema para outro, e a previsão é que tenha um crescimento significativo até 2026, de acordo com o levantamento da S&R, a Global ERP Solutions Market Insights, Forecast to 2025. Segundo a pesquisa Cloud ERP Market by Component, Business Function, Industry Vertical, Organization Size, and Region – Global Forecast to 2025, o tamanho do mercado global de ERP em nuvem deve apresentar um crescimento de US$ 45,3 bilhões em 2020 para US$ 101,1 bilhões até 2025. Com uma taxa de crescimento anual composta (CAGR) na ordem de 17,4%.

Com o passar dos anos grandes empresas tentaram manter uma metodologia de trabalho que funcionasse e que trouxesse sempre os mesmos resultados, mas dessa forma, muitas não conseguiram manter o ritmo de crescimento do mercado, afirma Matheus Abud Silva, graduado em Administração de Empresas, com ênfase em finanças e simplificação de processos. “Uma gestão open mind (mente aberta) somada às novas tecnologias se destacaram no mercado e trouxeram inúmeros benefícios a muitas companhias, como os Sistemas Integrados de Gestão Empresarial”, declara Matheus.

A cada ano, diz o administrador de empresas, novas ferramentas proporcionam uma mensuração e uma melhor análise de dados, de uma forma on-line. Abud Silva observa que, com isso, as empresas que trabalham com os principais Sistemas Integrados de Gestão Empresarial (ERPs) do mercado devem investir cada vez mais em treinamentos. Para que possibilitem uma melhor integração de equipes e relatórios, garantindo uma tomada de decisão mais rápida e assertiva de dados confiáveis e sem manipulação de áreas conflitantes.

Além de o ERP ser benéfico para a empresa, o profissional esclarece que ao investir no conhecimento do colaborador, além de o atualizar também incentiva a criar novos projetos. “As empresas ao explorar as diversas funcionalidades que esse sistema oferece, possibilitam melhorias e oportunidades de simplificação aos processos”, explica Matheus, com conhecimentos desenvolvidos nas áreas de negócios, controladoria, contabilidade, ativo fixo, garantia de projetos e controle de caixa.





Queremos criar melhores conteúdos:

Criamos uma pesquisa sobre o seu perfil profissional:
  1. Principais objetivos;
  2. Principais Problemas no seu dia a dia;
  3. Principais Alegrias.
Participe: Pesquisa Ramos da Informática – Queremos te conhecer melhor.

Conforme o especialista, é necessário identificar os colaboradores com grandes potenciais e fazer investimentos traçados nos objetivos, tanto deles como da empresa. Isso vai fazer que eles se sintam parte do projeto. “A troca de experiência, muitas vezes, não é feita pelo gestor, pois se tem medo de ensinar algo a alguém, e esse alguém ser capaz de fazer a atividade melhor. Esse tipo de medo não traz nenhum benefício para os envolvidos, principalmente para a empresa”, relata Abud Silva.

De acordo com o Gartner, empresa de consultoria no mercado de TI, em 2022, 30% das grandes organizações terão migrado para uma abordagem centrada de plataforma e para um produto com recursos ERP padronizados. Ainda avisa que em 2025, os quatro principais fornecedores de ERP serão renomeados como provedores de plataforma de negócios.

“Nos próximos anos devemos ter colaboradores multifuncionais, que possam exercer várias atividades e manter a qualidade em todas elas, para isso a gestão das empresas precisa se antecipar e começar a plantar essa semente para não ficar no passado”, declara Matheus Abud Silva, com experiência em controle e simplificação de processos dentro de ERPs (SAP) reduzindo horas de trabalho, transição de atividades para outros países e validação de novas implementações de processos globais.

Segundo a pesquisa Panorama Mercado ERP 2020, do Portal ERP, sobre o nível de satisfação do sistema, 51,92% dos participantes afirmaram estar totalmente satisfeitos e 40,48% demonstraram uma satisfação parcial. 37,43% deles salientaram nunca ter tido problemas ao adquirir softwares anteriores e 49,56% responderam que consideram o nível de usabilidade do software amigável. Conforme a pesquisa realizada pela FGV, as empresas Totvs (empresa brasileira), SAP (empresa alemã) e Oracle (empresa americana) detêm 77% do mercado nacional de ERP.

Website: https://www.linkedin.com/in/matheus-abud-4192a593/

0 0 votes
Article Rating

E-Zine Ramos da Informática

* indicates required

View previous campaigns.